quinta-feira, fevereiro 06, 2014

"Casal" gay é tema da nova edição de Luluzinha Teen

Após o beijo gay no último capítulo de “Amor à Vida”, a revista em quadrinhos Luluzinha Teen vai abordar o tema do preconceito contra homossexuais, ao narrar detalhes da relação entre os jovens Edgar e Fábio. Edgar entrou na edição 49 da HQ para integrar a banda da Lulu e se assumiu gay dois números depois, ao aparecer de mãos dadas com Fábio. Agora, na edição 57, que chegou nesta semana às bancas, os dois aparecem juntos novamente e em uma situação mais dramática. Os garotos vão enfrentar os pais de Fábio, que não concordam com a opção sexual do filho. O debate fica mais acalorado quando os pais de Fábio aparecem na Anime Festa 2014, organizada pela Turma da Lulu na escola onde estudam, para dar uma bronca no filho e levá-lo para casa. Nesse momento entra o diretor do colégio, Vicente, que é a favor do relacionamento entre os dois jovens, para conversar com os pais sobre o assunto e alertá-los a respeito das melhores atitudes que devem tomar em relação à situação.



Comentário do leitor Marco Dourado: “Alguma novidade nessa notícia? Nenhuma. A própria publicação em si já é um desaforo para com os fãs do nostálgico clássico de Marje Buell e Irving Tripp. Personagens descaracterizados física e comportalmentalmente se metem em roteiros chinfrins embalados pelo modismo da ocasião ou a reboque dos enredos da Turma da Mônica Jovem. Sem contar os ‘convidados especiais’, subcelebridades do mundo pop à cata de publicidade (um jabá mutualista, se me permite). Como a onda do momento é a tal da novela ‘Amor à Vida (abortada)’, era improvável que os roteiristas não embarcassem na polêmica. Enfim, contrariando Tiririca, nada está tão ruim que não possa piorar.”